29/04/2021

O advogado e ex-fotógrafo da revista Veja, Irmo Celso Vidor, de 66 anos, faleceu nesta quinta-feira (29) à noite, no Hospital da Providência, em Apucarana, onde estava internado há cerca de duas semanas. Ele era um incentivador do ciclismo.

Irmo deixa familiares e um vasto círculo de amizades. A Autarquia de Serviços Funerários de Apucarana (Aserfa) informou que o corpo será velado na Capela Mortuária Central e o sepultamento está marcado para às 10 horas de sexta-feira (30), no Cemitério da Saudade.

Histórico – Irmo Celso começou como fotojornalista em Londrina, no extinto jornal Panorama. Foram as imagens publicadas neste periódico que o fizeram conhecido no Brasil, rendendo-lhe um emprego na sucursal da Veja em Curitiba e, mais tarde, na sede da editora Abril, em São Paulo.

Irmo Celso foi quem mais fotografou Lula durante os oito anos em que esteve na revista Veja. Foi ele quem fez a imagem do ex-presidente jogando sinuca com o Ministro do Trabalho da ditadura, Murilo Macedo.

Deixe seu comentário