10/10/2019

Prefeito Junior da Femac tratou do projeto em Curitiba, na Assembleia Legislativa.

Foto/legenda – o engenheiro Herivelto Moreno mostra no mapa o traçado da estrada Irineu Sacchelli

Os 12 quilômetros da estrada Irineu Sacchelli, que liga Apucarana a Londrina, na região do Aeroporto Municipal capitão João Bussi, passando pelo Pinhalzinho até o distrito de São Luiz, foi tema de reunião ontem, em Curitiba. O prefeito Junior da Femac se reuniu com o deputado estadual Arilson Chiorato, para avaliar o andamento do projeto.

“Fomos informados que esta obra já está inclusa no banco de projetos criado pelo Governo do Estado. Isso significa que a pavimentação da estrada Irineu Sacchelli já foi priorizada pelo Governo Ratinho Junior”, avaliou Junior da Femac. Para o prefeito, isso muda o panorama da região, pois se trata de uma obra estruturante. “Contamos com o apoio do governador, do secretário de saúde Beto Preto, do prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, e dos deputados estaduais Arilson Chiorato, Delegado Jacovós, Tiago Amaral e Tercílio Turini, para viabilizar essa obra de grande importância para toda a região”, comentou Junior.

Para o deputado Arilson Chiorato, a estrada Irineu Sacchelli, faz parte de um projeto essencial para o desenvolvimento de Apucarana, junto à região do Aeroporto Municipal, que agora está recebendo o Programa Voe Paraná. “Recebemos a confirmação de que a obra foi mesmo inclusa no banco de projetos prioritários do Governo do Estado e agora seguem os trâmites burocráticos, sendo o primeiro a execução do projeto”, comentou Arilson.

Conforme avalia o prefeito Junior da Femac, esse é um antigo sonho da região. “Essa estrada encurta muito a distância entre Apucarana e todo o Vale do Ivaí até a cidade de Londrina. Esse traçado faz parte de um grande projeto que é a rota do desenvolvimento, pensado pelos deputados Tercílio Turini, Jacovós, Arilson e Tiago Amaral”, Lembra Junior.

Sistema Agro – Ainda na capital do estado, o prefeito Junior da Femac se reuniu com o deputado Tiago Amaral, para reivindicar seu apoio na consolidação de outro importante projeto. Trata-se de “Sistema Agro”, que Apucarana deseja implantar, reunindo num só prédio as sedes regionais da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (Seab), Emater e Adapar.

“Nós já doamos o terreno e temos pronto o projeto arquitetônico e agora buscamos recursos do Governo do Estado para viabilizar a construção dessa estrutura regional, para centralizar e atender toda a cadeia produtiva do agronegócio na macrorregião de Apucarana”, explica o prefeito.

Conforme explica o prefeito, a busca de apoio junto ao deputado Tiago Amaral, para alavancar este projeto, é justificada por ele ser muito ligado ao setor de produção agropecuária. “Sua família é do ramo, e sua esposa é agrônoma”, citou.

Segundo Junior, trata-se de projeto inovador, seguindo as diretrizes traçadas pelo Governador Ratinho Junior, que defende o perfil do Paraná, que é o maior produtor de alimentos do planeta. “Nossos agricultores e pecuaristas precisam dispor de serviços eficientes e centralizados num mesmo local, ou seja, um centro de referência agro”, argumenta Junior da Femac.

Campartilhe.

Sobre o Autor

**** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal do Canal 38 pelo Whatsapp: (43) 9 8447-1929 ****

Deixe Um Comentário