16/02/2020

De 17 a 27 de fevereiro, os bispos do Paraná farão a Visita Ad Limina, uma peregrinação a Roma com o intuito de venerar o sepulcro dos apóstolos Pedro e Paulo e encontrar o Papa Francisco.

Ad Limina é uma expressão em latim, que significa no limiar, na soleira, na entrada das basílicas dos apóstolos Pedro e Paulo.

A visita, prevista no Código de Direito Canônico, é feita de cinco em cinco anos por todos os bispos do mundo, divididos por países ou regionais. Nos dez dias em que estarão em Roma, os bispos também visitarão os vários Dicastérios do Vaticano, que são os departamentos de ajuda ao papa.

Apesar de ser prevista no Código de Direito Canônico a cada cinco anos, a última visita dos bispos do Paraná a Roma foi há quase dez anos, de 3 a 13 de novembro de 2010, no pontificado do Papa Bento XVI.

A mudança de Papas em 2013 colaborou para que esse intervalo de tempo entre as visitas fosse maior. Por isso, para dez dos 22 bispos que irão a Roma esta é a primeira visita Ad Limina.

Os bispos vão tratar de diversos assuntos com os cardeais, com os técnicos da Igreja, sobre a evangelização dos povos, a cultura, a formação do clero, o laicato, e até mesmo sobre a função dos bispos.

Deixe seu comentário