12/07/2019

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira que dará todo apoio na reforma tributária para facilitar a vida do empregador, voltando a sublinhar que o trabalhador no país tem que decidir entre a manutenção de todos os direitos ou o acesso a oportunidades de emprego.

“Todo o apoio, qualquer empenho meu será feito pra gente facilitar a vida de quem produz no Brasil”, Jair Bolsonaro.

A afirmação foi feita a jornalistas após ser questionado se daria suporte veemente à tramitação da matéria ou deixaria que o Congresso discutisse o assunto.

Ecoando declarações dadas durante a corrida presidencial, Bolsonaro também afirmou, após participar da cerimônia de posse do novo diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Alexandre Ramagem Rodrigues, que não adianta a legislação trabalhista ser abundante em direitos.

“O que eu tenho dito e disse durante a campanha é que o trabalhador um dia vai ter que decidir: menos direito e emprego ou todos os diretos e desemprego. Quem me critica no tocante a isso vá ser patrão para ver a dificuldade que é ser patrão de uma pessoa no Brasil”, Jair Bolsonaro.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem defendido a extinção da contribuição sobre a folha de pagamento como um dos pilares da reforma tributária com o objetivo de diminuir o custo trabalhista e aumentar a oferta de vagas no país.

Bolsonaro, contudo, não mencionou nenhuma proposta em particular da reforma tributária ao falar sobre o assunto.

Reeleição e evangélico no STF
O presidente também voltou a acenar com a possibilidade de se candidatar à reeleição, mas ponderou que esse é um cenário que depende da melhoria das condições no país.

“Se o Brasil entrar nos trilhos etc, lá na frente a gente decide no momento, tenho o apoio enorme de muitos setores da sociedade”, disse.

Após ter afirmado mais cedo nesta semana que indicaria ao Supremo Tribunal Federal (STF) um nome “terrivelmente evangélico”, ele disse que o ministro da Advocacia Geral da União (AGU), André Luiz de Almeida Mendonça, “com certeza” está “entre uma lista com muito apoio por parte do presidente”.

As informações são de Marcela Ayres, Reuters.

Campartilhe.

Sobre o Autor

**** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal do Canal 38 pelo Whatsapp: (43) 9 8447-1929 ****

Deixe Um Comentário