08/07/2020

Remoção do corpo do motorista Nilson Aparecido Ferreira, de 58 anos, só ocorreu após intervenção do deputado delegado Jacovós junto à Polícia Civil de Marilândia do Sul.

O corpo do caminhoneiro Nilson Aparecido Ferreira, de 58 anos, que acabou encontrado já sem vida no interior de um veículo de carga na manhã desta quarta-feira (08), às margens de trecho urbano da BR-376 (Avenida Ponta Grossa), em Califórnia, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana para exame de necropsia.

Segundo informações, o caminhoneiro teria passado mal, estacionado o veículo e morrido. A equipe de resgate da Rodonorte acionou os órgãos competentes. A Polícia Militar foi acionada juntamente com o Serviço de Saúde Pública e constatou-se que Nilson Aparecido Ferreira estava no morto interior do veículo de carga.

O IML esteve no local e aparentemente constatou-se que o motivo da morte foi infarto (causa natural). A funerária também esteve no local, mas também não retirou o corpo, pois em seguida surgiu uma suspeita de possíveis sinais de violência em Nilson.

Por conta disso, o veículo de carga e o corpo do caminhoneiro permaneceram no local até a tarde desta quarta-feira (08), quando após intervenção do delegado deputado Jacovós, a Polícia Civil de Marilândia do Sul encaminhou ofício ao IML de Apucarana para que o corpo fosse removido para Apucarana e realizado exame de necropsia.

A Delegacia da Polícia Civil de Marilândia do Sul está acompanhado o caso.

Deixe seu comentário