Élcio Brandão Silva, 58 anoso, morreu na noite da última quinta-feira (28), em Rolândia, após ser atropelado - Foto: Divulgação

31/01/2021

A Polícia Civil informou que já identificou o carro envolvido em um atropelamento que culminou na morte de Élcio Brandão Silva, 58 anos, na noite da última quinta-feira (28), em Rolândia. A investigação também já apurou quem era o condutor do automóvel que continua foragido. Para não atrapalhar o andamento do caso, os detalhes não foram divulgados.

O delegado Bruno Rocha aguarda que o motorista se apresente nos próximos dias. Por enquanto, o caso é tratado como homicídio culposo, quando não há intenção de matar, com agravantes, como alta velocidade, atropelamento em cima da faixa de pedestre e omissão de socorro.

O acidente
Câmeras de segurança flagraram o momento exato do acidente na rua Arthur Thomas. A via fica em um bairro com calmo, com pouco movimento de veículos. Após olhar para ter certeza que não vinham veículos, Brandão atravessava na faixa quando foi surpreendido por um carro em alta velocidade. Ele sofreu ferimentos graves e morreu antes da chegada do socorro.

A vítima tinha 58 anos e morava em um sítio localizado na estrada São Rafael. Segundo familiares, tinha ido visitar os filhos e uma irmã na cidade. O condutor do carro não parou e fugiu do local.

Deixe seu comentário