22/06/2022

Um reajuste de 1,5% nas tarifas de energia elétrica da Companhia Paranaense de Energia (Copel) foi aprovado nesta terça-feira, 21, pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). No Paraná, a Copel atende cerca de 5 milhões de unidades consumidoras, que serão afetadas com o reajuste.

De acordo com a Aneel, a tarifa ficará 1,5% mais cara para consumidores residenciais e 2,07% para estabelecimentos comerciais e de serviços, que normalmente utilizam redes de baixa tensão. A Copel ressalta que o reajuste médio ficou muito abaixo da inflação. Nos últimos 12 meses, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA), dado também utilizado pela Aneel para determinar a tarifa, subiu 11,7%.

Ainda segundo a Copel, para que o ajuste ficasse abaixo da inflação, foram abatidos créditos do PIS/Confis oriundos de ação judicial vencida pela Copel, já reconhecidos e que têm previsão de restituição nos próximos 12 meses pelo governo federal à companhia, além da redução da Conta de Desenvolvimento Energético, cujo valor anual é fixado pela Aneel.

 

Deixe seu comentário