Imagem Ilustrativa

22/02/2021

Segundo informações, o trem trafegava no sentido Mandaguari/Jandaia do Sul e dois homens estariam segurando a vítima na linha férrea. Quando o trem se aproximou eles deixaram o homem ser atropelado e fugiram do local.

O Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana confirmou na manhã desta segunda-feira (22) que o corpo de um homem não identificado que morreu ao ser atropelado por um trem, por volta das 23h30 de sábado (20), nas imediações da Rua Chita Brasil, paralela à Rua Senador Salgado Filho, conhecida como Perimetral, em Mandaguari, ainda permanece no órgão, já que nenhum familiar do mesmo foi até o local ainda.

Segundo informações, o trem trafegava no sentido Mandaguari/Jandaia do Sul e dois homens estariam segurando a vítima na linha férrea. Quando o trem se aproximou eles deixaram o homem ser atropelado e fugiram do local. A vítima aparenta ter 30/32 anos, conforme o IML de Apucarana.

O Corpo de Bombeiros e Samu estiveram no local, mas o homem já estava em óbito, com o corpo dilacerado. As Polícias Militar, Civil, Instituto de Criminalística e IML foram acionados. Até o momento nenhum suspeito foi preso e a Polícia Civil de Mandaguari continua investigando o caso.

Deixe seu comentário