08/07/2020

“Notícia boa: Votei favorável e, aprovamos na Assembleia Legislativa, o projeto que proíbe a fabricação, comercialização e o uso de cerol – linha revestida com cola e vidro moído – e da linha chilena – revestida com quartzo moído, algodão e óxido de alumínio – para soltar pipas no Paraná”, informou Jacovoós.

Após sanção do projeto, os infratores poderão responder criminalmente, além da possibilidade de receber multa pelo descumprimento da norma no valor de 10 Unidades de Padrão Fiscal do Paraná (UPF-PR) para pessoas e de 20 UPF-PR para empresas.

Em julho, a UPF-PR vale R$ 105,94. As multas previstas podem ser aplicadas em dobro se houver reincidência. Se o infrator for menor de idade, os responsáveis legais responderão pelo ato praticado.

Muitos motociclistas, animais e pedestres sofrem acidentes gravíssimos e chegam a perderem a vida por conta desse tipo de “brincadeira”. Inaceitável que isso continue, comemorou o delegado deputado Jacovós.

Deixe seu comentário