Foto: Lucas Leal - Canal 38

20/05/2021

Deputados estaduais que integram a Comissão Especial para Examinar o Cumprimento da Ordem de Vacinação criada na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) realizam diligência e investigação nesta quinta-feira (20) para apurar possíveis irregularidades na ordem de vacinação contra a Covid-19 e ainda o desvio de vacinas por voluntária da Autarquia Municipal de Saúde (AMS) em Apucarana.

Os parlamentares chegaram no início da tarde à sede do Ministério Público (MP) na cidade, para se reunir com a Promotora Doutora Fernanda Lacerda Trevisan Silvério.

Em seguida os parlamentares vão se encontrar com o Prefeito na Prefeitura Municipal Apucarana, depois reúnem com o vereador Lucas Leugi, que denunciou as irregularidades na vacinação ao MP e posteriormente vão ouvir a falsa enfermeira no plenário do Fórum Desembargador Clotário Portugal. Depois os deputados vão conceder entrevista coletiva na Prefeitura de Apucarana.

A falsa enfermeira teve a prisão preventiva decretada pelo juiz Osvaldo Soares Neto e confirmou que desviou vacinas que teriam sido aplicadas até em uma família de Mandaguari. A vacinação era realizada na casa dela. A Comissão Especial para Examinar o Cumprimento da Ordem de Vacinação já recebeu mais de 1 mil denúncias, algumas gravíssimas, próximas de crimes, para serem investigadas pela Polícia, com gente querendo lucrar com o imunizante contra a Covid-19.

Deixe seu comentário