02/11/2021

A Diocese de Apucarana divulgou um vídeo neste dia 2 de novembro para falar e explicar um pouco mais sobre a origem e o significado do Dia de Finados. Comemorações e rituais funerários existem desde os primórdios da humanidade, mas a data em homenagem a quem partiu só foi incorporada à tradição católica há cerca de mil anos.

“Do Senhor é a terra e a sua plenitude, o mundo e aqueles que nele habitam./ Porque ele a fundou sobre os mares, e a firmou sobre os rios./ Quem subirá ao monte do Senhor, ou quem estará no seu lugar santo?/ Aquele que é limpo de mãos e puro de coração, que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente./ Este receberá a bênção do Senhor e a justiça do Deus da sua salvação.” Esses são os primeiros versículos do Salmo 24, oração bíblica presente na liturgia católica para o Dia de Finados (2 de novembro), quando se celebram os mortos. Na Igreja Católica, a liturgia de Finados foi iniciada por Santo Odon de Cluny e oficializada no ano de 998

Missas
As tradicionais missas de Finados voltarão a ser rezadas nos cemitérios de Apucarana neste ano, com expectativa de que o número de visitantes aumente. As missas nos cemitérios foram suspensas em 2020 em razão da pandemia da Covid-19.

A Autarquia de Serviços Funerários de Apucarana (Aserfa) avalia que os três cemitérios municipais da cidade tenham recebido um número 20% menor de visitantes no ano passado por causa da pandemia de Coronavírus. Neste Dia de Finados (2/11), aproximadamente 25 mil pessoas devem passar pelos cemitérios de Apucarana, conforme estimativa da Aserfa.

Deixe seu comentário