03/05/2022

Os vereadores da base do prefeito Sebastião, ao invés de serem fiscais, fecham os olhos e mais parecem defensores da administração.

O município de Apucarana recebeu nos últimos 4 anos em torno de R$ 40 milhões de contribuição da iluminação pública (Cosip). Lucas Leugi fez requerimento solicitando informação ao prefeito Junior da Femac para saber onde foi investido esse dinheiro, mas vereadores da base da administração barraram o pedido.

Segundo outro vereador de oposição “o poder legislativo precisa ser independente, ele não pode ser um puxadinho da prefeitura, ele tem que ser harmonioso, mas ele não pode ser dependente, ser subordinado”, afirmou Moisés Tavares.

Seria submissão total, qual seria o motivo? Se os alcaides não sabem o papel do vereador veja matéria postada no site do Tribunal Superior Eleitoral, reproduzida pelo Canal 38.

Vereador: conheça o papel e as funções desse representante político

 

Veja reportagem completa do vereador Lucas Leugi ao Canal 38 Apucarana;

 

Deixe seu comentário