04/09/2019

Jovem de 21 anos, sofreu um acidente de trânsito e foi encaminhado por populares ao UPA, mas quase teve graves problemas de saúde, após o médico ter prescrito medicamento errado e sequer se identificou ou assinou a receita, em Apucarana.

O jovem de 21 anos, morador do Jardim Gramados, em Apucarana, sofreu um acidente de trânsito em Apucarana, e foi encaminhado por populares ao UPA para atendimento médico hospitalar, mas quase perdeu a perna após o médico ter prescrito nimesulida e paracetamol ao paciente.

O caso aconteceu no mês de agosto de 2019. Segundo a mulher de 40 anos, mãe do jovem de 21 anos, disse a reportagem do Portal de Notícia do Canal 38, que ela desconfiou do atendimento, pois o médico sequer assinou a receita. “Ele foi atendido no UPA, achei estranho os remédios passados, e a consequência que ficou na perna dele e resolvi pagar uma consulta no hospital da Providência, onde o médico mudou todos os remédios, deixou ele em casa e disse que somente seria internado se tivesse que drenar os coágulos que formou na perna” denunciou.

Segundo um popular que presenciou o acidente de trânsito, onde se feriu o jovem de 21 anos, disse a reportagem do Portal de Notícia Canal 38, “ É uma vergonha, a saúde pública de Apucarana está doente, o UPA continua lotado desde quando o ex-prefeito Carlos Alberto Gebrin Preto, deixou o cargo para ser Secretário de Saúde do Paraná, e agora todo o estado vai poder provar a forma de administrar a saúde” lamentou.

Campartilhe.

Sobre o Autor

**** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal do Canal 38 pelo Whatsapp: (43) 9 8447-1929 ****

9 Comentários

  1. Esse ai nunca mais, prometeu acabar com as filas nos postos de saúde em dias, e faz seis anos ainda não acabou, mas o ano que vem está próximo.

  2. A verdade é que não temos quem realmente se preocupa com a população , pois somos poucos que realmente se importam com o próximo e geralmente estamos longe de ocupar um cargo público..

  3. Realmente é um descaso, alguns meses atrás levei meu filho pq estava com vomito, a médica mal atendeu ele e descreveu uma dose muito alta de medicação. Antes de tomar a injeção prescrita eu perguntei para enfermeira e ela disse que estava errado e foi falar com a médica que havia nos atendido. Quando vamos lá todo cuidado é pouco, além da demora é um total descaso!

Deixe Um Comentário