29/08/2021

Uma festa com cerca 500 participantes que era realizada em uma chácara nas imediações do distrito do Pirapó foi encerrada por policiais militares à 1h54 da madrugada deste domingo (29) por infração de medida sanitária e por volume de som excessivo.

De acordo com informações, uma moça de 21 anos, identificada como responsável pela promoção da festa, foi levada ao cartório da PM para assinar Termo Circunstanciado por infração de medida sanitária.

A PM acrescentou que na portaria da chácara estava um segurança que cobrava entrada no valor de R$ 10. A organizadora da festa relatou aos policiais militares que alugou a propriedade para fazer um evento com 50 pessoas. Ela foi informada sobre a vigência do decreto que proíbe a realização presencial em eventos dessa natureza antes de assinar o Termo Circunstanciado.

Deixe seu comentário