Foto: Divulgação/GAT/GM de Arapongas

14/01/2022

O Grupo de Apoio Tático (GAT) da Guarda Municipal de Arapongas prendeu, na tarde de quinta-feira (13), uma mulher de 37 anos na Zona Leste da cidade, em endereço alvo de denúncias relacionadas ao tráfico de entorpecentes. Segundo informações, a “boca de fumo” fica nas proximidades de uma escola e com a mulher foram apreendidas 151 pedras de crack, já embaladas e prontas para comercialização.

Quando a suspeita recebeu voz de abordagem, ela correu para o interior de sua casa, dispensando uma caixinha de papelão pela janela, que caiu nos fundos da residência. Um dos agentes do GAT ao verificar o que a mulher havia sido dispensado, constatou que se tratavam de 135 pedras de crack, juntamente com a quantia de R$587,00 reais em espécie. Ainda em buscas no quintal foi encontrado uma balança de precisão.

Com o apoio de uma GM feminina a suspeita foi revistada e em suas vestes íntimas foi encontrado mais um kit contendo 16 pedras de crack. A mulher assumiu a propriedade do tóxico, que totalizaram 151 porções. O GAT acrescentou que no mesmo local, situado nas imediações de uma escola infantil, já foram realizadas várias prisões pelos crimes de tráfico de drogas e receptação.

Diante a situação, foi dada voz de prisão à mulher, que foi encaminhadas inicialmente ao Pronto Atendimento 24 horas, conforme protocolo da Covid-19, e posteriormente até a 22ª Subdivisão Policial (SDP) de Arapongas junto com o crack, o dinheiro e a balança de precisão apreendidos para apresentação ao delegado de plantão.

🗣️ Disk DENÚNCIA:
☎ 153 Ou (43) 99614-6369
Sua identidade será preservada!

Foto: Divulgação/GAT/GM de Arapongas

 

Deixe seu comentário