31/03/2022

Recursos são destinados à ampliação e reforma de unidades básicas de saúde, pronto atendimento, hospitais e também para aquisição de novos equipamentos. O pacote inclui ainda a construção centros de saúde, pronto-socorro, clínicas e base do Samu.

O Governo do Estado formalizou nesta quarta-feira (30) repasses que totalizam R$ 104 milhões, para 29 municípios, destinados à ampliação e reforma de unidades básicas de saúde, pronto atendimento, hospitais e também para aquisição de novos equipamentos.

O pacote inclui ainda a construção centros de saúde, pronto-socorro, clínicas, base do Samu, entre outras obras. Os investimentos são da Secretaria de Estado da Saúde.

Um dos destaques é a implantação da ala materno-infantil ao Hospital da Providência, em Apucarana, em um montante de R$ 25.861.942,75, além da obra de expansão da Santa Casa de Ponta Grossa, nas áreas de oncologia, ambulatório SUS, hemodiálise e internamentos para quimioterapia, no valor de R$ 8.354.781,79.

Outro repasse, de mais R$ 1.637.514,58, será para a construção da piscina de fisioterapia do Hospital Universitário do Oeste do Paraná, após mais de oito anos de espera.

“Hoje reafirmamos o compromisso proposto pelo governador Ratinho Junior de regionalizar a saúde do Paraná, aumentando o número de serviços de saúde e levando atendimento mais próximo da casa das pessoas. São mais de R$ 104 milhões que estamos repassando para expandir a saúde paranaense”, destacou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

UNIDADES MISTAS DE SAÚDE – Outro anúncio envolve as unidades mistas de saúde. Elas são destinadas ao atendimento de Atenção Básica e Pronto Atendimento de baixa complexidade, com assistência médica 24 horas e uma média de 3.100 atendimentos por mês.

O projeto padrão foi fornecido pela Secretaria para municípios de até 15 mil habitantes, com o valor de incentivo de aproximadamente R$ 3 milhões para sua construção. Os municípios de Jataizinho, Maria Helena e Quatro Pontes receberam os recursos.

PRONTO ATENDIMENTO MUNICIPAL – Ampliando a rede de urgência e emergência, através de um acolhimento humanizado, o PAM também possui assistência médica em tempo integral, com uma média de 2.100 atendimentos por mês. Nesta rubrica, foram liberados recursos para os municípios de Londrina, Paraíso do Norte, Bela Vista do Paraíso, Pontal do Paraná e Curiúva.

MUNICÍPIOS – Os repasses desta quarta serão distribuídos para Apucarana, Arapongas, Bandeirantes, Bela Vista do Paraíso, Cambé, Cascavel, Cerro Azul, Curitiba, Curiúva, General Carneiro, Jataizinho, Juranda, Londrina, Marechal Cândido Rondon, Mangueirinha, Maria Helena, Maringá, Matelândia, Teixeira Soares, Paraíso do Norte, Ponta Grossa, Pontal do Paraná, Quatro Pontes, Ribeirão Claro, Rio Bonito do Iguaçu, Santa Isabel do Ivaí, Siqueira Campos, Tamarana e União da Vitória.

SAMU – Os municípios de Faxinal, no vale do Ivaí e de Mangueirinha, no Sudoeste do Estado, receberam ambulâncias de suporte básico para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Cada veículo, no valor veículo de R$ 170 mil, conta com equipamentos básicos de suporte à vida e está preparado para ser transformado em uma UTI móvel.

“Queremos comemorar essa parceria, temos uma logística muito grande, com zonas rurais e por isso precisamos dessa renovação. O município realmente precisava deste veículo para ampliar o atendimento na região. A partir de agora já estará à disposição da população”, disse o secretário municipal de Mangueirinha, Ivoliciano Leonarchik.

Deixe seu comentário