19/01/2021

O repórter Márcio Silvestre, do Canal 38, esteve na Rua Adilson Zanoni n° 179, no Jardim Marissol, na moradia da dona Luíza Cláudio, para ouvir a súplica de uma senhora que realmente está necessitando de tudo que possa ser imaginado.

Há muito tempo ela trabalhou, teve sua vida normal até chegar à idade avançada e infelizmente não conseguiu mais trabalhar após adoecer. Ela precisa viver, precisa se alimentar, precisa se medicar, precisa de tudo que qualquer pessoa idosa normal necessita e está morando de favor em uma residência, porque na casa dela não tem nada: não tem colchão, não tem como ela viver. “Ela está aqui junto com a gente e vamos ser solidários, como tem sido o povo de Apucarana e toda região com várias pessoas que já procuraram o Canal 38”, disse o repórter Márcio Silvestre.

“Então, meu marido morreu há 5 meses e ele sempre trabalhava no sítio no Pirapó e eu trabalhava no Xaxim. Aí depois trabalhando me deu pneumonia, eu fiquei ruim, me deu derrame e não aguentei mais trabalhar”, conta dona Luíza Cláudio. A casinha em que ela morava não tem mais condições de ser habitada e a mulher necessita de tudo. “Preciso de móveis e de uma cesta básica, pois moro com meu filho doente e ele não consegue ajudar e não consegue trabalhar. Preciso de arroz, preciso do que comer, de tudo, de frutas e outros itens”, afirma.

Além do derrame, a mulher agora começou a sentir sintomas do Mal de Alzheimer. “Ela está passando mal porque nunca precisou pedir e muita das vezes ela procura a Saúde Pública, mas tudo demora demais e é muito triste ver o lamento desta senhora trabalhadora nessa situação”, diz o repórter Márcio Silvestre.

O contato para quem tem disponibilidade para ajudar a dona Luiza Cláudio, que reside na Rua Adilson Zanoni n° 179, no Jardim Marissol, pode ser mantido pelo fone: (43) 98437-9449. Veja a matéria completa em vídeo com o repórter Márcio Silvestre, do Canal 38.

Deixe seu comentário