Lucas Gabriel Peres, de 22 anos, morreu depois de sete dias internado – Foto: Reprodução Facebook

21/09/2021

Um lutador de artes marciais morreu após ficar sete dias internado em um hospital de Sarandi, na região metropolitana de Maringá. Lucas Gabriel Peres, de 22 anos, passou mal minutos depois de participar de uma competição de artes marciais, em Maringá, no dia 11 de setembro.

Segundo amigos do lutador, ele foi internado porque estava sentindo fortes dores de cabeça. Sete dias depois, o jovem não resistiu e morreu. O Instituto Médico Legal (IML) de Maringá informou, nesta terça-feira, 21, que a causa da morte foi traumatismo crânio-encefálico. O IML está concluindo o laudo com mais detalhes sobre a causa da morte e o material será encaminhado para a Polícia Civil.

O jovem era morador de Peabiru, na região de Campo Mourão, mas sempre participava de competições de artes marciais em Maringá e região. A reportagem não conseguiu localizar o organizador da luta realizada em Maringá para comentar o caso.

Amigos e familiares do rapaz estão muito abalados com a morte precoce e trágica e preferiram não comentar o caso. Nas redes sociais, eles fizeram inúmeras homenagens ao jovem lutador. O corpo de Lucas Gabriel Peres foi enterrado no Cemitério Municipal de Peabiru nessa segunda-feira, 20, sob forte comoção.

“E é assim que eu vou lembrar de você, desse anjo que me tirou do fundo do poço e me mostrou como o amor salva, sou eternamente grata, e vou ser forte meu amor, pela minha família e por você, perdi meu Porto Seguro, mas eu sei que tu vás estás cuidando de mim, por onde quer que eu vá”, disse a namorada do lutador em sua página pessoal no Facebook. Fonte: Fábio Guillen/gmconline.com.br

Deixe seu comentário