15/07/2021

O crime aconteceu em imóvel no bairro Martim de Sá, próximo à praia. De acordo com a polícia, a mãe e as duas filhas adolescentes foram mortas a facadas. A filha de nove anos foi ferida, mas conseguiu fugir. Ex-marido da mulher fugiu e é suspeito de cometer tamanha brutalidade.

Uma mãe e duas filhas foram mortas a facadas em Caraguatatuba (litoral de São Paulo) nesta quinta-feira (15). A suspeita da polícia é de que o crime tenha sido cometido pelo ex-marido da vítima. Uma terceira filha, 9 anos, conseguiu fugir mesmo depois de ferida e foi socorrida pelos Bombeiros.

O crime aconteceu em imóvel no bairro Martim de Sá, próximo à praia. Segundo os bombeiros, a vítima é uma mulher de 40 anos. Ela teria sido abordada no imóvel pelo ex-companheiro que a golpeou com facadas.

Em seguida, o homem ainda esfaqueou as duas filhas da vítima, 15 e 13 anos, que não resistiram e morreram no local. De acordo com a polícia, as duas eram filhas frutos de outro relacionamento.

Na casa ainda estava uma criança de nove anos. A menina chegou a ser golpeada, mas conseguiu fugir e foi socorrida pelo Grupamento de Bombeiros Marítimo e encaminhada ao Hospital Stella Maris. Não há informações sobre o estado de saúde da criança.

Após o crime, o homem conseguiu fugir. De acordo com a polícia, ele é funcionário da prefeitura. A polícia realiza diligências para localizá-lo. As informações são do G1 Vale do Paraíba e Região.

Deixe seu comentário