08/11/2021

Policiais militares de Apucarana foram acionados na tarde desta segunda-feira (8) depois de uma situação registrada no shopping envolvendo uma menino de 13 anos que vendia brigadeiros, um segurança do local e a mãe de uma conselheira tutelar.

De acordo com informações, o garoto teria agredido o segurança e a mulher depois que a mesma teria afirmado que iria denunciá-la por estar criando caso no local. As partes foram encaminhadas à 17ª Subdivisão Policial (SDP), com acompanhamento do Conselho Tutelar dos Direitos da Criança e do Adolescente.

O soldado Acácio, da PM, falou sobre a situação. “Nós fomos acionados para se deslocar até o Shopping Centro Norte, onde um menor estaria brigando com as pessoas, batendo nas pessoas, e nós fomos dar um apoio ao Conselho Tutelar. Chegamos lá e constatamos o fato e mediante a vontade de representação das vítimas, demos voz de apreensão ao menor e encaminhamos o mesmo à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para as providências cabíveis. Segundo a vítima, o menor entrou no shopping para vender uns bombons e no momento que o segurança pediu para ele se retirar, o mesmo não gostou e foi para cima do segurança; deu socos, chutes. Inclusive tinha uma conselheira tutelar no local junto com sua mãe, fazendo uma refeição, e a senhora tentou conversar com ele e o menor também agrediu a mulher e ela teve vontade de representação contra o menor. Ele estava bastante alterado e segundo a conselheira tutelar, esse menor já é conhecido no meio policial, já tem algumas passagens, toma remédio controlado, mas ficou calmo. Agora vamos fazer o boletim e manter contato com a mãe do mesmo para que possa vir buscá-lo”, relatou o policial militar.

Deixe seu comentário