Foto: Arquivo de família

23/03/2022

Familiares do servidor público aposentado Odilon de Oliveira Barros, de 72 anos, confirmaram que ele faleceu nesta quarta-feira (23), no Hospital do Câncer, em Londrina, onde estava internado há dois dias. Odilon foi fundador e comandante da Guarda Mirim de Apucarana durante cerca de 30 anos, onde ajudou a formar muitos meninos, e trabalhou intensamente na área de assistência social no município, onde auxiliou gente que nunca esqueceu da bondade dele.

Odilon era conhecido como “comandante” e uma pessoa muito conhecida e querida em Apucarana. Ele deixa a esposa Iracema, quatro filhos e sete netos, além de um vasto círculo de amizades, conforme informou a neta Renata Barros Garcia. A mãe de Odilon, Dolfina de Oliveira Barros, que mora na Rua Ouro Branco, na Vila Agari, e é conhecida por fazer acolchoados artesanais, já perdeu os filho Juarez (ex câmera da antiga TV Tibagi) e Dorival de Oliveira Barros (irmãos de Odilon), há aproximadamente cinco meses, quando Dorival foi atropelado na Avenida Aviação, na Vila Nova.

O corpo de Odilon de Oliveira Barros vai ser velado a partir das 7 horas de quinta-feira (24) até às 13 horas na Capela Mortuária Central de Apucarana e depois o corpo vai ser levado para Maringá, onde às 15 horas acontece uma breve homenagem e depois ocorrerá a cremação no Crematório Ângelus.

A direção  e funcionários do Canal 38 e do portal 38 News manifestam pesar aos familiares de Odilon de Oliveira Barros

Foto: Arquivo de família

Foto da época em que Odilon comandava a Guarda Mirim de Apucarana – Arquivo de família 

 

 

 

Deixe seu comentário