04/03/2020

A 4ª Promotoria Pública da Comarca de Apucarana (que engloba Cambira e Novo Itacolomi) instaurou Inquérito Civil para apurar possíveis irregularidades na aquisição de medicamentos pelo município de Novo Itacolomi, cujo prefeito é Moacir Andreola.

De acordo com o Ministério Público (MP), os medicamentos foram adquiridos por intermédio do Pregão 05-2019.

A representação contra o município de Novo Itacolomi e o o prefeito Moacir Andreola é assinada pelo Promotor de Justiça Eduardo Augusto Cabrini, no uso de suas atribuições legais. A respectiva portaria está embasada em leis federais que instituem a Lei Orgânica Nacional do Ministério Público.

A Prefeitura de Novo Itacolomi ainda não se manifestou sobre a instauração do Inquérito Civil.

Deixe uma resposta