05/11/2021

Uma mulher grávida foi presa na quinta-feira (4) à tarde por policiais militares da 7ª Companhia de Arapongas por guardar mais de 11 kg de maconha em uma residência situada no Conjunto Palmares. O marido da detida já encontra-se preso pelo crime de tráfico de drogas.

De acordo com boletim de ocorrência da PM, a equipe policial recebeu denúncia anônima de que no bairro Palmares poderia estar ocorrendo a guarda de produtos ilícitos e drogas em uma determinada casa. A PM se deslocou até o local a fim de verificar a veracidade das informações e a mãe da detida prontamente autorizou os policiais militares a fazerem vistoria na moradia.

Durante as buscas foi encontrado em um cômodo nos fundos, dentro de uma mochila vermelha, doze tabletes de maconha in natura, e no mesmo cômodo foi localizada outra mochila com mais três tabletes do entorpecente, com as mesmas características de embalagem e formato. Após ser pesada, a maconha totalizou 11,190 kg.

Ao ser indagada sobre droga ilícita a moradora da residência informou que o tóxico que estava naquele cômodo seria de propriedade de sua filha, que tem seu cônjuge em condição carcerária pelo crime de tráfico de drogas.

A filha dela não estava presente no local no momento da ocorrência, porém foi localizada em ato contínuo, sendo que assumiu a propriedade da substância entorpecente. A mesma é gestante. Ela recebeu voz de prisão e foi levada pela PM à 22ª Subdivisão Policial (SDP) junto com a maconha apreendida.

Polícia Militar do Paraná, sua proteção é o nosso compromisso.
📞 Emergência ligue 190
🗣 Denúncias disque 181 (sua denúncia será anônima)

Deixe seu comentário