21/09/2020

Deste do total, 5 prisões ocorreram na região: três homens foram presos em Arapongas, um em Apucarana e um em Godoy Moreira.

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu em flagrante 14 pessoas suspeitas de envolvimento com pornografia infantojuvenil na internet, nesta segunda-feira (21). As prisões aconteceram durante a terceira fase da operação “Proteção Integral”, deflagrada em diversas cidades do Paraná. Essa foi a maior operação já realizada no Estado contra pornografia infantojuvenil na internet.

Quatro homens foram presos em Curitiba, um em São José dos Pinhais, um em São Mateus do Sul, um em Apucarana, um em Godoy Moreira, três em Arapongas, um em Cascavel, um em Ponta Grossa e um em Ibiporã. Durante ação foram cumpridos, simultaneamente, 24 mandados de busca e apreensão em 15 municípios:

NUCIBER
A operação é resultado de um trabalho de inteligência realizado por agentes especializados do Núcleo de Combate aos Cibercrimes (NUCIBER) da PCPR. Durante as buscas foram apreendidos computadores, notebooks, pendrives, HDs e outros dispositivos que possam ter armazenamento de fotos ou vídeos de pornografia com crianças e adolescentes.

Deixe seu comentário