25/09/2021

Policiais militares de Apucarana cumpriram mandado judicial de busca e apreensão às 19 horas de sexta-feira (24), em residência situada na Rua Catuaí, no Jardim América, expedido pela 2ª Vara Criminal de Apucarana, com o objetivo de localizar entorpecentes e outros objetos que viciados trocam por drogas. Na casa foram apreendidos crack, cocaína e maconha e um casal acabou detido e levado junto com os tóxicos à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para os procedimentos legais.

Conforme boletim de ocorrência, quando os policiais militares se aproximaram da moradia foi possível perceber que um casal correu para o interior da residência, sendo necessário realizar o rompimento de um obstáculo (portão) para ter acesso imediato ao imóvel e evitar que drogas fossem dispensadas. Equipes extrajornada e Agência de Inteligência (ALI)/Serviço Reservado (P2) da PM localizaram na moradia um indivíduo com diversas passagens pela Polícia pelos crimes de tráfico de drogas, receptação e furto em um cômodo ao lado da sala. Durante revista pessoal o tenente Strugala localizou no bolso do suspeito um estojo de óculos na cor preta contendo 37 pinos de cocaína, e ao lado do abordado, um outro estojo e óculos na cor roxa contendo 29 gramas de maconha e 46 gramas de crack(que se fracionado renderia aproximadamente 230 pedras da droga para a venda no varejo).

Em continuidade na revista no cômodo onde o homem foi abordado, na cama do quarto, foi localizado um prato na cor azul, duas lâminas tipo gilette com resquícios de crack, bem como mais 64 pedras do tóxico. Ainda na cama foi localizado uma balança de precisão em funcionamento e 3 rolos de papel alumínio, o mesmo material utilizado
para embalar a maior parte das pedras de crack. Na gaveta do mesmo cômodo ainda foi localizado um outro estojo de óculos na cor preta, contendo em seu interior 75 pinos de cocaína e uma cartela de pramil 50mg (estimulante sexual contrabandeado do Paraguai). No outro quarto da residência estava a mulher que havia corrido para dentro da casa na chegada da PM, contra a qual havia um mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Sarandi pelo crime de tráfico de drogas . No bolso da calça da mulher foi localizada uma quantia em dinheiro trocado (apenas uma cédula de R$200), provavelmente oriunda do tráfico de entorpecentes. No mesmo quarto da mulher, foi localizado um caderno com anotações e valores de diversas transações de tráfico de drogas.

Em continuidade nas buscas pela residência foram localizados diversos objetos novos sem nota e de procedência duvidosa, os quais foram apreendidos. Na casa também acabaram apreendidas ferramentas que provavelmente são utilizadas em ocorrências de furto. Por fim, todos os entorpecentes, dinheiro, objetos apreendidos e o casal detido foram encaminhados à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para os procedimentos legais. A equipe da Rotam deu apoio na condução dos presos por tráfico de drogas para a delegacia. A pena para os condenados por esse tipo de crime varia de 5 a 15 anos de prisão.

Deixe seu comentário