10/07/2020

Policiais militares de Apucarana, em operação sob o comando do tenente Jair, prenderam, nesta tarde, dois suspeitos de praticar roubo nesta sexta-feira (10) no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), situado Rua Irmã Eleotéria, no centro da cidade.

Um dos bandidos fez menção de estar armado, rendeu um rapaz que trabalha no local e roubou um telefone celular. Depois os ladrões fugiram com um carro preto, que funcionárias do Caps conseguiram anotar as placas. O rapaz que foi rendido pelos bandidos ficou em estado de choque e depois da prisão dos assaltantes ele enalteceu o trabalho realizado pelas Polícias Civil e Militar.

Dupla presa e crack e carro apreendidos
O tenente Jair explicou que a PM chegou até os ladrões através das placas do carro usado por eles no crime, que foram anotadas no momento do assalto.

Ambos acabaram localizados em uma casa no Residencial Cerejeiras, onde também foi encontrada uma porção de crack e o veículo usado no assalto. Na moradia foram presos dois homens – Sérgio Roberto Tiradentes, 44 anos, de Renan Anderson da Silva, 21 anos, que negou participação no roubo.

Receptação
Os dois detidos informaram que o telefone celular roubado foi vendido por R$ 110 para um homem de 49 anos, que é dono de um bar na Avenida Aviação. Ele acabou encaminhado à 17ª SDP por receptação, junto com a dupla presa e o carro e o crack apreendidos para os procedimentos legais. O celular roubado foi devolvido à vítima, que elogiou o trabalho rápido e eficiente realizado pela PM.

Deixe seu comentário