07/07/2020

Bandidos disseram à Polícia Militar que tomaram carro de assalto com o objetivo de pagar uma dívida relacionada a drogas.

Um veículo VW Gol tomado de assalto na Avenida Itararé, no Jardim Ponta Grossa ,em Apucarana, por volta 20 horas da noite desta segunda-feira (6)em frente a uma distribuidora de bebidas, por 3 bandidos armados, foi recuperado por policiais militares de Arapongas, após interceptação do automóvel na BR-369, próximo ao marco do Trópico de Capricórnio.

De acordo com a PM, um dos criminosos portava um simulacro de submetralhadora e outro um revólver, que acabou dispensado pelo marginal em meio a um matagal onde ele tentou se esconder. Segundo informações, dois assaltantes acabaram presos por policiais militares de Arapongas no momento da interceptação do carro roubado e um conseguiu fugir a pé. Inicialmente os dois presos foram levados junto com o simulacro de submetralhadora à 22ª Subdivisão Policial (SDP) de Arapongas para os procedimentos legais.

O roubo
A vítima contou que parou o VW Gol na Avenida Itararé, em Apucarana, para fazer compras e quando retornou, acabou surpreendido e rendido pelos três criminosos armados, sendo que um deles portava o que parecia com uma submetralhadora na cor preta. Após dar voz de assalto, todos adentraram no veículo e tomaram o rumo de Arapongas e subtraíram também o celular da vítima, um Samsung J6, na cor preta.

O terceiro assaltante envolvido no roubo do carro acabou preso após intervenção de agentes do Serviço Reservado de Inteligência (P2) do 10º Batalhão de Polícia Militar de Apucarana (BPM). Ele disse que havia “dispensado” um revólver usado quando o automóvel foi tomado de assalto na Avenida Itararé.

A interceptação do carro tomado de assalto
Após informação repassada dando conta que acabara de ocorrer um assalto na cidade de Apucarana, possivelmente por três indivíduos portando arma de fogo, as equipes da PM de Arapongas intensificaram o patrulhamento na BR-369, momento que o veículo produto do roubo, um VW GOL de cor branca placas CSE-0527, foi avistado por policiais e empreendeu fuga em alta velocidade, não acatando ordem de parada.

Durante acompanhamento tático com sinais sonoros e luminosos, os indivíduos dispararam contra a viatura policial, que para cessar injusta agressão, revidou os disparos, sendo então que os marginais pararam no acostamento e três indivíduos desceram correndo do VW Gol, sendo que um deles estava de posse de uma arma de fogo e empreendeu fuga atirando contra os policiais. Ele adentrou o mato e tomou rumo ignorado.

Os outros dois indivíduos foram abordados e presos, sendo que um deles estava de posse de uma réplica de submetralhadora. Ambos os ladrões relataram ter efetuado o roubo na frente de distribuidora de bebidas de Apucarana para pagar dívida de drogas.

Durante a confecção do boletim de ocorrência outra equipe policial fez a abordagem de mais um suspeito na BR-369 em um ponto de ônibus, retornando para cidade de Apucarana. O mesmo admitiu ter participado do roubo. Ele afirmou ter dispensado a arma de fogo (revólver) em meio a um matagal quando fugiu da abordagem. A PM fez o varredura no local, mas a arma não foi localizada. Diante do exposto, todos foram encaminhados inicialmente à UPA de Arapongas, conforme protocolo do Covid-19m e posteriormente à 22ª Subdivisão Policial (SDP) para autuação em flagrante por roubo agravado.

MULHER DETIDA
A Polícia Militar acrescentou que uma mulher que estava no carro roubado em Apucarana junto com os três assaltantes presos também foi detida e encaminhada à Delegacia de Arapongas.

Veja mais na programação jornalística do Canal 38

Deixe seu comentário