24/11/2021

Os policiais militares sargento Francis e soldados Breganholi, Dias, Alberti e Brocoli, do destacamento da Polícia Militar (PM) de Mauá da Serra prenderam um homem de 52 anos nesta quarta-feira (24) por receptação e posse ilegal de arma de fogo e com ele apreenderam uma espingarda calibre .22, 10 munições .22, um caminhão Ford, além de recuperarem guindaste hidráulico avaliado em R$ 4.000,00 e R$ 20.000,00 em fios e cabos de energia industrial.

A prisão do homem e apreensão dos materiais ocorreu no Assentamento Mundo Novo, na Chácara Souza.

A PM lembra que o boletim de ocorrência unificado nº 1197758/2021, registrado em 23 de novembro, trata sobre o crime de furto qualificado, quando houve um arrombamento em um barracão da empresa SL Alimentos, de onde foi subtraída grande quantidade de fios e cabos elétricos de diversas medidas e bitolas, avaliados em R$ 20.000,00, além de um guindaste hidráulico semi novo avaliado em R$ 4.000,00. A partir do registro do boletim de ocorrência a PM de Mauá da Serra iniciou diligências no intuito de localizar imagens ou testemunhas que pudessem apontar o veículo utilizado no crime devido a grande quantidade de objetos furtados.

Através do sistema de monitoramento de câmeras da Prefeitura Municipal de Mauá da Serra foi possível captar imagens de um caminhão modelo Ford 350, de cor azul, carroceria de madeira aberta, vindo da Rua Curitiba e adentrando a Rua José Rodrigues da Silva, senda esta última rua o local do barracão arrombado, fato este registrado às 00h53min do dia 23 de novembro, sendo que nas imagens da câmera é possível ver que o mesmo retorna do local do arrombamento e passa pelo mesmo ponto de captação de imagens à 01h07min do mesmo dia, desta vez com os faróis apagados e com a carroceria carregada com os produtos furtados e segue no sentido à Rua Curitiba até desaparecer do foco da câmera em questão.

Diante destas imagens do caminhão utilizado no crime, a equipe da PM tomou conhecimento de que um caminhão com características idênticas no Assentamento Mundo Novo, na Chácara Souza, sendo esta propriedade da pessoa conhecido como “Geraldão””, o qual já possui antecedentes pelo crime de receptação ocorrido no ano de 2017.

Em seguida a PM se deslocou até a referida chácara onde foi recebida pela pessoa de José Geraldo de Souza, 52 anos, o ““Geraldão””, sendo possível já notar o caminhão utilizado no crime estacionado em uma garagem da propriedade. Ao ser indagado sobre o caminhão e os objetos furtados Geraldão dizia desconhecer sobre os produtos e relatou que o caminhão seria da pessoa de Valdomiro Gonçalves Fogaça, outra pessoa já muito conhecida no meio policial por diversas práticas de crimes de furto e receptação em Mauá da Serra, conforme consta em boletim, de ocorrência da PM.

Diante da negativa da pessoa de Geraldo em declinar sobre os objetos furtados, a equipe da PM iniciou uma busca. No local, foi encontrado outro caminhão nas proximidades, sendo este um GM Chevrolet em nome de Valdomiro Fogaça Gonçalves, onde na carroceria que estava coberta por uma lona estavam todos os objetos furtados da empresa SL Alimentos (fios, cabos e o guindaste hidráulico). Diante do flagrante, foi dada voz de prisão para a pessoa de Geraldo pelo crime de receptação. Indagado ainda sobre mais produtos ilícitos na propriedade, ele relatou que no interior da sua residência havia uma espingarda calibre .22 junto com 10 munições intactas do mesmo calibre, que o mesmo apresentou. A arma de fogo estava no quarto da residência e o detido não apresentou nenhuma documentação legalizando a posse da espingarda.

Diante dos fatos, a PM entrou em contato com a pessoa de Marcos Roberto Tibério, responsável da empresa SL Alimentos, o qual se deslocou até o local e reconheceu todos os objetos como sendo os furtados da empresa. Marcos, acompanhado e auxiliado por outros funcionários, fizeram o transbordo da carga para o caminhão Ford 350, o qual foi utilizado na prática do crime.

Diante dos fatos e toda materialidade apreendida, os policiais militares foram até o destacamento policial militar de Mauá da Serra para confecção do boletim de ocorrência em tela, e posteriormente foi feito encaminhamento à Delegacia de Polícia Civil de Marilândia do Sul para lavratura do flagrante por receptação e posse ilegal de arma de fogo.

 

Deixe seu comentário