11/06/2021

Policiais militares do destacamento do município de Mauá da Serra, sob o comando do sargento Francis, conseguiram recuperar cinco toneladas de soja saqueadas de um vagão de trem da empresa Rumo, às 9 horas desta sexta-feira (11), em imóvel na Rua Eydi Iano (fundos com a Avenida Paraná).

De acordo com boletim de ocorrência da PM, a equipe do destacamento de Mauá da Serra recebeu solicitação de uma empresa de vigilância e foi informada ter ocorrido um saqueamento de um dos vagões de trem da companhia Rumo carregado com soja. Policiais militares foram até o local onde o fato ocorreu e quando faziam rondas notaram pelas marcas de barro, que os sinais de marca de pegada levavam até os fundos de uma determinada casa na Avenida Paraná, na qual está residindo uma mulher, que é irmã de um homem conhecido da Polícia, que até pouco tempo também residia nesta casa de fundos.

No local foi encontrado um grande volume de soja já ensacada, nos fundos da casa, que tem como frente e acesso pela Rua Rydiano, próximo a linha férrea. No quintal, coberto com lona, a PM também encontrou soja já ensacada, que após contagem totalizaram 110 sacos (5 toneladas).

A PM informou ainda que o local onde a soja estava é de fácil acesso aos vagões e carregamento das cargas furtadas, como foi citado em boletim de ocorrência. O autor do saque ao vagão de trem não foi localizado, mas a PM conseguiu identificá-lo e relatou que o mesmo já tem passagem por furto.

Os PMs fizeram contato com a Polícia Civil de Marilândia do Sul e foram orientados a fazer a devolução da carga de soja aos vigias da empresa responsável pelo produto.

Deixe seu comentário