01/08/2020

Lucilei Viana da Silva Araújo, de 48 anos, que foi morta um tiro na cabeça em sua residência, na Rua Antônio Marquini, em São Pedro do Ivaí, em 7 de junho deste ano.

Ela deixou áudios gravados no WhatsApp que ajudaram a Polícia Civil a identificar e prender três suspeitos de envolvimento no seu assassinato.

Foram presos um sobrinho, um tio e uma tia da mulher, que tiveram as prisões preventivas decretadas pelo Judiciário após solicitação do delegado titular da Delegacia Regional da Polícia Civil da Comarca de Jandaia do Sul, Gustavo de Pinho Alves.

O repórter e apresentador André Amaral, do Programa Vale do Ivaí em Alerta, no Canal 38, fez uma matéria completa sobre o homicídio e ouviu o delegado e os presos. Veja vídeo.

Deixe uma resposta