24/11/2021

Policiais civis paralisaram as atividades nesta quarta-feira (24) em todo o Paraná. A mobilização faz parte de uma ação nacional contra a reforma administrativa em tramitação no Congresso Nacional.

A proposta de emenda à Constituição enviada em setembro de 2020 pelo governo federal (PEC 32/20) restringe a estabilidade no serviço público e cria cinco tipos de vínculos com o Estado.

A paralisação ocorreu no período da manhã desta quarta-feira (23). Os trabalhos extraordinários foram mantidos. Em Londrina são cerca de 100 policiais.

A partir das 13 horas o trabalho foi retomado. A categoria entende que a reforma administrativa traz prejuízos e é uma violação aos direitos adquiridos. Para o presidente do Sindipol, Eli Almeida de Souza, “o servidor vai ficar na mão do gestor público. Hoje, em tese, a gente tem a garantia de estabilidade, mas, com a flexibilização, muita coisa vai mudar.”

Deixe seu comentário