18/07/2020

A Câmara de Vereadores de Apucarana conseguiu devolver R$ 5.361.726,87 ao Executivo Municipal, até junho deste ano, o que representa uma marco histórico para o Legislativo.

A gestão do atual presidente da Câmara de Vereadores de Apucarana, professor Luciano Augusto Molina, vem se destacando por ser pautada pela austeridade, moralidade e seriedade no tocante à destinação de recursos públicos e adequação e moralização do quadro funcional, sempre de acordo com a legalidade, além de apostar na modernidade.

A instalação dos painéis solares para a produção da energia fotovoltaica na Câmara Municipal de Apucarana é um exemplo disso. Ao todo são cem painéis, com potência de no mínimo 335 W, instalados no telhado do legislativo que começaram a funcionar, no início de 2020 gerando 100% de energia solar para a Casa de Leis.

O presidente da Câmara lembra que a última conta, antes do sistema solar ser implantado, em dezembro de 2019, teve o valor de R$ 4.000,54. “Já em maio de 2020, o valor foi de R$ 286,04. De janeiro a maio registramos 90% de redução”, relatou Molina.

Essa é apenas uma das mudanças antológicas implementadas pela atual direção da Câmara de Vereadores de Apucarana como foco na otimização do gastos de recursos públicos.

O Canal 38 saiu às ruas de Apucarana para saber a opinião da população a respeito do novo modelo de gestão implantado na Câmara de Vereadores de Apucarana. Veja o vídeo.

Deixe seu comentário