27/05/2022

Apucaranenses indignados com a situação precária das lixeiras em frente ao Hospital Materno Infantil, na Rua Rio Branco, na área central da cidade, encaminharam imagens ao Canal 38 para mostrar como as mesmas estão deterioradas pela ação do tempo e sem manutenção.

Enquanto isso, o prefeito de Apucarana, Sebastião, prefere estabelecer outras prioridades para a administração municipal, como por exemplo a pintura de uma parede do prédio da onça, onde ele mora, a um custo de R$ 135 mil.

E também a instalação de faixas elevadas em vias rápidas do perímetro urbano, com grande fluxo de veículos, que são trechos de rodovias federais, como a Avenida Governador Roberto da Silveira e a Avenida Minas Gerais. Isso tem gerado muitas reclamações, principalmente de motociclistas, que chegam até a questionar a legalidade da iniciativa da administração municipal.

Deixe seu comentário