11/01/2022

A tradicional Corrida de Reis de São Caetano, evento que abre o calendário de pedestrianismo no Grande ABC e teria realização neste domingo, 9, foi cancelada pela Prefeitura.

Os motivo são os aumento de casos de Covid-19 – na semana passada eram mais de 100 novos casos diários no município, de acordo com o boletim epidemiológico – e síndrome gripal, impulsionados pela cepa H3N2 da influenza.

A decisão foi tomada pelo comitê de combate ao coronavírus e pelo prefeito José Auricchio Júnior (PSDB). O Palácio da Cerâmica agora planeja o que fazer e como fazer para devolver o valor da inscrição para pessoas de fora de São Caetano, já que munícipes tiveram isenção de taxa.

As 3.000 inscrições para a Corrida de Reis haviam se esgotado na quinta-feira, 6. Esta seria a edição de número 45 da prova, que em 2021 foi cancelada também por conta da pandemia. Em Apucarana, a corrida continua agendada mesmo tendo quase três vezes mais casos positivado.

A corrida na cidade não tem risco as pessoas, segundo o prefeito Sebastião, mesmo tendo um dos piores índices da saúde pública do Paraná. A Autarquia Municipal de Saúde (AMS) confirmou ontem (10/01) 274 novos casos de Covid-19, maior número de ocorrências em um mesmo dia desde o início da pandemia e representa sozinha mais de 6% dos casos positivados do estado do Paraná.

Mesmo assim, o prefeito Sebastião se mostra alheio aos problemas que estão ocorrendo na cidade, inclusive continua com Centro exclusivo para Covid-19 fechado, na contramão da maioria das cidades do País.

Contagem Regressiva

É importante acrescentar que faltam 161 dias para acabar o prazo no qual o prefeito Sebastião prometeu entregar um novo hospital público municipal à população de Apucarana. O prefeito tem hoje ainda 1089 dias para o término do seu mandato, que deve ficar marcado na história de Apucarana.

Deixe seu comentário