08/11/2020

Mauro Bertoli foi preso na manhã deste sábado (07), em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, durante cumprimento de mandados de busca e apreensão autorizado pela Justiça Eleitoral de Apucarana.

Nos locais, sob responsabilidade dos candidatos a Vereador na cidade de Apucarana “Lucas Leugi” e “Mauro Bertoli”, foram apreendidos documentos, agendas e anotações que serão analisados pela Promotoria Eleitoral. Ainda, em um dos locais, um indivíduo foi preso por posse irregular de arma de fogo e encaminhado para a 17ª SDP. A operação contou com a presença das equipes da Polícia Militar, Polícia Civil e integrantes do Ministério Público Eleitoral.

O tenente Jair, do 10º Batalhão da Polícia Militar (BPM), falou sobre o apoio dado ao Ministério Público Eleitoral (MPE) durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão. “Demos apoio à Promotoria Eleitoral, tendo em vista algumas denúncias que chegaram até o órgão. Todo material foi recolhido e apreendido e no que tange à Justiça Eleitoral foi tudo entregue na sede do Ministério Público Eleitoral. Com relação a arma de fogo, a mesma foi entregue na 17ª SDP para as providências cabíveis”, afirmou o tenente Jair.

Segundo informações o vereador teria sido encaminhado para a 17ª SDP de Apucarana, para ser autuado pela autoridade policial e liberado mediante pagamento de fiança.

Deixe seu comentário